Preservação do lobo-guará no Brasil e Serra da Canastra em MG vira livro.

lobinho

bra ‘Histórias de um Lobo’ foi produzido por mais de uma década.
Biólogo e fotógrafo relatam atuação dos dois no projeto Lobos da Canastra.

Do G1 Centro-Oeste de Minas

Comente agora
Lobos na Serra da Canastra (Foto: Adriano Gambarini/Divulgação)
Livro será lançado em São Paulo e depois em Minas Gerais (Foto: Adriano Gambarini/Divulgação)

A luta pela preservação dos lobos na Serra da Canastra, em São Roque de Minas, e em todo o Brasil, inspirou o biólogo e pesquisador Rogério Cunha de Paula e o fotógrafo Adriano Gambarini na criação da obra “Histórias de um Lobo”. Produzido com apoio da Lei de Incentivo à Cultura, do Ministério da Cultura, o livro foi produzido por mais de uma década e em grande parte conta a atuação dos dois no projeto Lobos da Canastra.

Os animais poderão ser conhecidos através da narrativa de quem conviveu e convive com a espécie. O lançamento do livro será no sábado (14), na Galeria Photoarts do Shopping Market Place, em São Paulo (SP). Em Minas Gerais, a previsão é que o lançamento ocorra em 2014.

Livro Histórias de um lobo (Foto: Adriano Gambarini/Divulgação)
Livro ‘Histórias de um lobo’
(Foto: Adriano Gambarini/Divulgação)

Segundo Rogério, o livro representa mais que a realização de um sonho e o fim de um projeto que foi pensado no início de 1988. A obra, de acordo com o fotógrafo Adriano, busca alinhar ciência, cultura e conservação de um dos animais símbolos da fauna brasileira. “Além do sonho, o trabalho é uma ferramenta para conscientizar e mostrar o quanto o animal é importante, através de um texto acessível”, ressaltou.

A obra é dividida em três partes e uma das principais características é que os autores decodificam a linguagem técnica para que as pessoas entendam o comportamento do animal. Também é descrito o território em que vive, as ameaças que ele sofre, além de traçar um panorama geral do estado da espécie no Brasil, e as estratégias para a conservação da espécie. “A ideia é que as pessoas se identifiquem com a leitura e a partir dela se sensibilizem com a causa e se mobilizem para também atuarem como colaboradores na conservação desse animal”, disse o biólogo.

Distribuição da obra na Serra da Canastra
Cerca de 300 exemplares estão separados para distribuição nas comunidades rurais e escolas de São Roque de Minas, segundo o biólogo. “A Serra da Canastra é o maior santuário da espécie no Brasil, e boa parte do livro é sobre a espécie na região”, afirmou.

Além da comunidade e escolas de São Roque de Minas, os livros também serão encaminhados para outras cidades que fazem parte da região da Canastra. “Essa região é considerada um santuário do lobo-guará. Diversas ameaças ambientais colocaram essa espécie na lista das ameaçadas de extinção e muitas pessoas não gostam dos lobos-guarás por medo ou por atacarem a criação de aves domésticas. Queremos desmistificar essa ideia”, afirmou Rogério.

Fotos ilustram livro Histórias de um lobo (Foto: Adriano Gambarini/Divulgação)
Fotos ilustram livro Histórias de um lobo
(Foto: Adriano Gambarini/Divulgação)

Autores
Os autores estão há mais de 15 anos no  projeto Lobos da Canastra, através do Instituto Pró-Carnívoros e do Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Mamíferos Carnívoros (Cenap) do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), que tem como principal objetivo a preservação da espécie.

Rogério Cunha de Paula é biólogo, analista ambiental e pesquisador associado ao Instituto Pró-Carnívoros. É membro de comitês nacionais e internacionais para conservação de espécies de carnívoros, entre eles os Grupos de Especialistas de Canídeos e de Felídeos da União Internacional pela Conservação da Natureza (IUCN ).

Imagens do livro Histórias de um lobo (Foto: Adriano Gambarini/Divulgação)
Imagens do livro Histórias de um lobo
(Foto: Adriano Gambarini/Divulgação)

Foi apontado em 2012, em publicação norte-americana, como um dos 40 heróis mundiais pelo trabalho de conservação do lobo-guará no Brasil. É autor de diversas publicações técnico-científicas e de dois livros sobre a Serra da Canastra.

Adriano Gambarini documenta lobos-guará na Serra da Canastra desde 1998, junto com Rogério. Ele é fotógrafo desde 1992, com experiência em documentação de expedições a regiões remotas. Um dos principais fotógrafos da National Geographic Brasil, é autor de 12 livros de arte, entre eles Serra da Canastra e Natureza Conservação e Cultura. Trabalhou como fotógrafo de cinema para Discovery Channel no Brasil, França e Rússia, realizou coberturas jornalísticas online na Tailândia, Camboja, Laos, China e Quirguistão e é formado em Geologia pela Universidade de São Paulo (USP).

Lançamento em Minas Gerais
O lançamento do livro em Minas Gerais está previsto para 2014. De acordo com os autores será em Uberlândia e a data ainda está em análise. “Estamos acertando alguns detalhes para que esse lançamento seja feito em Uberlândia, e também em Belo Horizonte”, finalizou o biólogo.

Lobos na Serra da Canastra (Foto: Adriano Gambarini/Divulgação)
Lobos na Serra da Canastra (Foto: Adriano Gambarini/Divulgação)